Carlos Duarte

Carlos Duarte - Herói em Wembley
25 de Março de 1933 - Nova Lisboa

Posição: Extremo Direito

Internacionalizações: 7

Clubes Representados: F.C.Porto

Extremo-direito 11 Épocas 172 jogos 69 golos

Títulos, Taças, Internacionalizações: pouco ou nada faltou nas 11 épocas em que Carlos Duarte representou o F.C.Porto. O momento alto da sua carreira, ocorreu no Estádio de Wembley: coube-lhe marcar o primeiro golo nacional na catedral do futebol.

Carlos Duarte chegou ao F.C.Porto em 1952, oriundo de Angola, englobado num lote de reforços que volvidos alguns anos iriam levar o clube de novo à ribalta nacional.

Como extremo impôs-se na equipa durante mais de uma década, tendo marcado 69  golos. O seu primeiro grande momento ocorreu em 1956, sob o comando de Yustrich. Ao lado de outros grandes jogadores, levou o clube à conquista do Campeonato que lhe fugia desde 1940, à vitória na sua primeira Taça de Portugal, e à primeira dobradinha do seu historial.

Voltou a ganhar a Taça de Portugal em 1958, numa final perante o Benfica em que foi considerado o melhor jogador em campo. Esta foi a principal temporada da sua longa carreira. Em Maio fez uma exibição fabulosa pela selecção em Inglaterra, que o levou a ser considerado, a par do seu colega Hernani, melhor do que os grandes craques ingleses. Em Agosto, o Milan quis contratá-lo, oferecendo-lhe um contrato fabuloso. O F.C.Porto não quis perder um dos seus jogadores mais úteis. Tinha razão: na temporada seguinte, voltou a ser Campeão.

















1 comentário:

Camilo Lemos disse...

Sou amigo de infância e Juventude do filho do Carlos Duarte, que tem o mesmo nome do pai.
Ele deve estar agora com cerca de 58 anos de idade.
Se puderem enviar-me os contatos dele (e-mail, telefone, endereço) eu agradeço.
Cordialmente;
Camilo Lemos - São Paulo/Brasil - e-mail: camilolemos@uol.com.br